Segurança e Organização da Obra
Segurança e Organização da Obra
8 de agosto de 2018
A escolha do terreno ideal para construir sua casa
22 de agosto de 2018

BARATAS – doenças que elas podem transmitir e os danos que podem causar

Insetos e roedores Como lidar com visitantes indesejados

O ser humano está sempre em posições de situações novas ou rotineiras, seja no convívio familiar, no trabalho, amigos, lazer e dentre outras ocorrências nos nossos dias. Nem sempre conhecemos nossos vizinhos de bairro, seja de edifícios, residências e condomínios; como também na maioria das vezes não temos ideia dos acontecimentos que se passam com eles e nem com as ocorrências salutar e/ou as ocorrências desfavoráveis do local onde moramos.

Mesmo sendo ocorrências naturais diante das nossas preocupações cotidianas, o ideal seria que passássemos a conhecer melhor as pessoas vizinhas, suas atividades, seus hábitos, o que eles pensam sobre o local onde vivem. Com todo conhecimento complementar teríamos uma melhora significativa no ambiente onde vivemos. Propagando este pensamento, podemos tornar em realidade a melhora da convivência, trazer nossos vizinhos a fazer parte das nossas vidas, como seria bom dividir com eles nossas preocupações, insatisfações e colocarmos sugestões para a melhoria deste convívio como se fosse uma grande família “residencial”.

BARATAS - doenças que elas podem transmitir e os danos que podem causar

A convivência com a família, com os amigos e vizinhos pode ser muito prazeroso, saber detalhes das pessoas com quem estamos vivendo, seus hábitos, costumes, defeitos pode ajudar sim na convivência harmoniosa.

Mas viver em um ambiente seja de residências localizadas em loteamento aberto, ou em condomínios fechados, ou em edifícios de torre única, ou em Condomínios Verticais com varias torres, trazem na maioria das vezes surpresas não tão agradáveis, pois teremos sempre a presença em nosso convívio de “moradores visíveis e a presença de moradores invisíveis”.

Você já parou para pensar quem são seus vizinhos? Quantos e quais animais de estimação moram perto de você?

Pesquisas revelam o aumento significativo na quantidade de animais de estimação, qual criança não gostaria de animalzinho de estimação, até os adultos gostam de ter em casa animais de estimação, seja um cão, peixes, tartaruguinhas, calopsita, etc.,

Mas essa convivência com os animais geram fatores que parecem inofensivos, mas na verdade podem potencializar alguns problemas. Imagine você a quantidade de rações ou similares que são comprados por seus vizinhos, quantas caminha para os cães existem no seu bairro, casinhas, quantas gaiolas existem no seu bairro?

Você já se deu conta que estes acessórios necessários podem se tornar abrigos e como também fontes de alimentos para as baratas e roedores?

Pensando nisso, pedimos a ajuda de uma empresa especializada no combate a “pragas” a GRANATTO CONTROLADORIA DE PRAGAS (www.granattodedetizacao.com.br) para uma conversa esclarecedora e com varias dicas e cuidados que devemos ter para evitarmos os moradores indesejáveis e invisíveis.

BARATAS - doenças que elas podem transmitir e os danos que podem causar-3

O Engenheiro Ambiental o Sr. Raul Quecini da empresa GRANATTO CONTROLADORIA DE PRAGAS (www.granattodedetizacao.com.br) começa a conversa com os corretores da Duo Imóveis tocando justamente nos pontos acima citado, ou seja, como não conhecemos nos vizinhos, não temos conhecimentos de suas manias, nem tão pouco seus costumes precisamos redobrar a atenção com o que podemos ver, por isso reforçamos a importância de observarmos o aparecimento de insetos (barata, abelhas, formigas, traças, etc.), como também em roedores (ratos).

Estes moradores indesejáveis podem e causam muitos problemas tanto para saúde do individuo como num caso mais extremo causa problema para toda comunidade, em outros casos causa danos para sua moradia (principalmente os cupins), desiquilíbrio do meio ambiente e inúmero outros problemas.

Como bom exemplo Raul Quecine (dedetizadoragranatto@gmail.com.br) usa as baratas, e cita algumas das doenças que elas podem transmitir e os danos que podem causar:

É assustador saber que uma das doenças mais comum transmitida pela barata é a Hepatite A, ela é transmitida pela ingestão de água contaminada ou alimentos contaminados. Assim que o alimento ingerido se alojar no intestino, rapidamente ele irá infectar os enterócitos da mucosa onde ele se multiplicará se espalhando pelo sangue, levando a infecção do fígado.

Outra doença transmitida pela barata é a febre tifoide que é causada pela Salmonell atyph, essa doença também é transmitida através de alimentos contaminados, de água contaminada, e a febre tifoide pode ser transmitida até mesmo através de um beijo desde que um dos indivíduos esteja contaminado.

BARATAS - doenças que elas podem transmitir e os danos que podem causar-4

A barata também transmite doenças mais conhecidas como a tuberculose, conjuntivites, infecções urinárias, lepra e pneumonia, por isso é sempre bom ficar atento em proteger os alimentos. (fonte sintomasedicas.com).

Deste modo ousamos pensar em um bairro adensado de residências ou mesmo em condomínios e edifícios e a calcular quantidade de resíduos de ração que vão se tornar fontes de alimento para insetos e roedores, a quantidade de esconderijos que vão proteger esses moradores indesejáveis. É por esse e outros motivos que devemos conhecer nossos vizinhos, buscar o maior numero de informação de onde pretendemos morar, para termos uma vida mais saudável.

O Engenheiro Ambiental o Sr. Raul Quecini da empresa GRANATTO CONTROLADORIA DE PRAGAS (www.granattodedetizacao.com.br) deixa aqui o telefone da empresa (19) 3035-6157 e o e-mail (dedetizadoragranatto@gmail.com.br) e reforça aos corretores e clientes da Duo Imóveis a importância dos moradores realizarem periodicamente em suas residências a Desincetização, evitando assim possíveis problemas como acima citados.

BARATAS - doenças que elas podem transmitir e os danos que podem causar-5

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.